Jogos, karaokê e som de DJ animam o sobrado da zona boêmia

Lá se vão praticamente duas décadas desde que o Sinuca de Bico se instalou num casarão centenário, em plena região boêmia da Lapa. O ambiente simplesinho inicial do sobrado adquiriu contornos, digamos, quase de um loft novaiorquino quando, depois de um incêndio anos atrás, passou por uma grande repaginagem.

As mesas de jogo se espalham pelo amplo salão de ares rústicos, com pé direito alto, tijolinhos aparentes nas paredes e portas de madeira antigas. Mas nem só do barulhinho típico das bolas coloridas estalando sobre o feltro – sob o embalo do rock das gerações 80 e 90 – vive a casa. Lá, rola também um disputadíssimo karaokê numa sala à prova de som, para não desconcentrar os sinuqueiros. Costuma ficar assim de gente louca para soltar a voz nas estradas da noite.

No bar, para escoltar a cerveja ou a caipirinha, há porção de pastéis de pizza, gurjão de frango, batata frita com calabresa e queijo gratinado, hambúrgueres e sanduíches, como o tradicionalíssimo de filé mignon. Ah, sextas e sábados tem DJ pilotando as carrapetas. Em suma, assim não dá pra ficar pela bola sete na agenda da night.

 

Sinuca de Bico
Rua Riachuelo, 260