Paróquia abriga a Gruta de Nossa Senhora de Lourdes

Igreja da Santíssima Trindade, inaugurada em 1945, no bairro do Flamengo, é um elegante exemplo da junção entre arquitetura e fé na cidade. Projetada em estilo art déco pelo arquiteto francês Henri Sajous — que atuou no Brasil de 1930 a 1959, deixando um legado de construções icônicas, como o Edifício da Mesbla da Rua do Passeio, o Biarritz e o Tabor Loreto, na Praia do Flamengo —, encontra-se preservada na sua essência.

A paróquia apresenta traços modernos sem se afastar dos aspectos tradicionais de um templo católico. Sajous pensava no conjunto da obra, mas também se esmerou nos detalhes. No interior, são 21 vitrais de 1,20 m de largura por 8m de altura, cada qual dividido por uma estrutura de concreto armado muito fina, formando uma cruz entre os círculos sobrepostos.

Na nave principal, 18 estátuas em pedra de Chauvigny de 2 m de altura, esculpidas por Gabriel Rispal (nascido em Bordeaux e  estabelecido em Paris), integram-se à composição arquitetônica das colunas. A lápide perpétua, com 50 m de comprimento, 17 m de largura e uma torre pontiaguda de 55 m de altura, como uma seta a indicar o caminho para o céu, reverencia a memória
daqueles que ergueram esse templo.

Nos fundos da igreja, existe a Gruta de Nossa Senhora de Lourdes, conhecida por seus milagres. Nela, há um pedaço da rocha de Massabielle — onde a Virgem teria aparecido diversas vezes, em 1858, a Santa Bernadette, na França —, conservado como relíquia numa caixa de vidro. É comum ver os que ali chegam colocarem uma das mãos na pedra e, em seguida, erguerem os olhos às duas santidades. Encontram-se, também, expostas placas de agradecimentos pelos milagres alcançados. O movimento nas segundas-feiras é intenso, com um grande número de paroquianos acendendo suas velas em contrição.

Igreja da Santíssima Trindade
Rua Senador Vergueiro, 141 – Flamengo
Tel: (21) 2553-3114